IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO IMPRIMA SEU BOLETO

XVIII Seminário do Fórum Nacional de Gestão da Ética nas Empresas Estatais

Emgea participa do XVIII Seminário do Fórum Nacional de Gestão da Ética das Empresas Estatais

Iniciativa é parte das ações para fomentar a cultura de integridade das instituições públicas, observando os princípios da diversidade, equidade e inclusão.

A implementação de novas estratégias e ferramentas de gestão foram pautas do XVIII Seminário do Fórum Nacional de Gestão da Ética das Empresas Estatais, realizado esta semana, em Fortaleza (CE). A Empresa Gestora de Ativos (Emgea) acompanhou o evento e destacou a importância da iniciativa para o fortalecimento dos princípios governamentais e o aprimoramento do relacionamento das Estatais com seus diversos públicos e sociedade em geral. 

Durante o Seminário, dirigentes, representantes de diversas estatais federais e profissionais renomados trataram sobre a promoção da diversidade, equidade e inclusão, além das perspectivas para construção do planejamento estratégico, com diretrizes para os gestores das estatais. 

“A ética por si só não basta. É necessário um conjunto de mecanismos e procedimentos internos, que incentivem às condutas éticas, voltadas à diversidade, equidade e inclusão. A construção desse legado é um dever de todos nós e este é o principal objetivo dessa iniciativa”, enalteceu Rodrigo Brandão, presidente da Emgea.  

José Gomes da Costa, presidente do Banco de Nordeste, destacou que a ética é um fio condutor de excelência. “São inaceitáveis preconceitos de qualquer natureza dentro das nossas instituições. Nós, dirigentes, que lidamos com recursos públicos, devemos estar atentos a essas questões: aceitar o outro, conviver harmonicamente deve ser nosso lema”, afirmou.

Durante o evento, foram anunciadas duas iniciativas da Comissão de Ética Pública da Presidência da República. A primeira delas foi o lançamento do Painel Gerencial do Sistema de Gestão da Ética do Poder Executivo Federal, que tem como objetivo dar publicidade e transparência às ações realizadas pelas mais de 250 comissões setoriais. A plataforma também disponibilizará uma escala com o nível de maturidade dos órgãos em relação à gestão da ética - uma forma de apresentar a evolução das instituições nesse quesito.

A segunda ação divulgada foi a construção do planejamento estratégico com o apoio das comissões setoriais. “A expectativa é ter esse material aprovado até o final do ano”, ressalta o presidente da Comissão de Ética Pública, Edson Sá Teles.

Saiba - O Fórum Nacional de Gestão da Ética das Empresas Estatais é um espaço de cooperação estabelecido para o fortalecimento da gestão da ética no Poder Executivo Federal. É composto por diversas Estatais, entre elas: Banco da Amazônia (Basa), Banco do Brasil (BB), Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Caixa Econômica Federal (Caixa), Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), Dataprev, Eletrobras, Eletronorte, Termonuclear, Correios, Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobrás).

Também são integrantes, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Furnas Centrais Elétricas S/A, Indústrias Nucleares do Brasil (INB), Nuclep Equipamentos Pesados S.A, Petrobras e Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

Voltar para o topo